/*-- Continue lendo --*/ .jump-link {margin: 10px; padding: 2px; font-size:20px;line-height:22px;font-weight: 300; font-family: sans-serif;Open Sans Condensed', sans-serif; width: 120px;} .jump-link a{ color: #76537b} .jump-link a:hover{ color: #8e8e8e}

19/09/2016

RESENHA: O COMEÇO DE TUDO - ROBYN SCHNEIDER

Título original : The beggining of everything
Editora : Novo Conceito
Páginas: 288
Autora: Robyn Schneider 
Onde comprar: Submarino; Amazon



"Ainda acho que a vida - independente do quão comum seja - de qualquer pessoa tem um ponto trágico e único, depois do qual tudo o que é realmente importante vai acontecer. Esse momento representa o catalisador, o primeiro passo da equação. Mas conhecê-lo não leva a nada, pois o resultado é determinado por aquilo que vem depois. "

    Ezra Faulkner tem 16 anos e é  um dos garotos conhecidos como mais populares do colégio. Ele joga tênis, é bonito e todas as garotas são apaixonadas por ele. Mas isso tudo muda quando Ezra entra em um acidente que muda toda a sua vida. 



     O acidente de Faulkner aconteceu em uma festa. Era a noite e ele tinha acabado de sair de uma festa irritado por ter pego a sua namorada o traindo. Ao entrar no carro e começar a dirigir, um carro vindo do nada bate contra o carro dele e ele acaba indo para o hospital. Após diversas cirurgias, Ezra descobre a sua carreira de tênis não está nada bem. Ele acaba faturando um osso do joelho, fazendo com que não possa mais jogar nunca mais. E agora o que faria de sua vida? 
  Depois de ter passado algumas semanas no hospital, sem nenhum amigo indo visitá-lo, ele começa a se perguntar se os seus amigos realmente o preocupavam com ele e chega a conclusão que não irá mais conseguir andar com eles na escola. 
    O primeiro dia de "volta" as aulas de Faulkner chega e ele decide andar sozinho, ignorando todos com seus olhares de pena. Começou a ser o assunto mais falado da escola, mas não de uma maneira boa.  Ezra acaba se escrevendo no clube de debate, uma coisa na qual nem ele estava acreditando que realmente tinha se inscrito,  e lá acaba revivendo uma amizade antiga: Toby. 
      Toby e Ezra eram amigos desde muito muito tempo, mas infelizmente essa amizade acabou se afastando por causa de um passeio a Disney e uma cabeça decapitada. Sim, uma cabeça de capitada. Era uma excursão com a escola, aos 12 anos, na qual iriam para a Disney. Animados, chegam e vão para a montanha-russa, mas na mesma hora que um menino na cadeira da frente levanta o brinquedo passa por um túnel onde a cabeça dele sai rolando e vai parar nas mãos de Toby. Em relação a esse ocorrido, Ezra acaba se afastando de Toby mas a amizade deles volta com apenas aquela aula de debate e volta mais forte do que nunca. 
          Com essa nova amizade, Ezra começa andar com o pessoal do grupo de debate e começa a vivenciar novas aventuras de uma nova perspectiva. Não era mais festas com barris de cerveja mas sim com vinho e uísque. Não era mais meninos de 16 anos fazendo piada como se tivesse 5 anos , mas sim um divertimento com um ar de inteligência no ar. 
         E tudo o que não poderia faltar era um romance né? Aí que entra Cassidy. Cassidy é a nova garota na escola, bonita, inteligente e até um pouco estranha. Ezra acaba conhecendo ela em uma de suas aulas e eles acabam começando a gostar um do outro, mas Cassidy é uma garota complicada de lidar e esconde um segredo gigante na qual não conta há ninguém. E apenas por causa desse não tão pequeno segredo, a história se modifica totalmente. 



     Realmente me surpreendi com o livro. Quando peguei o livro para ler não achei que iria ser tão bom, achei que iria ser mais uma daquelas histórias bem clichês de colegial. ( nada contra, até que gosto de história assim) Foi quando comecei a ler e chegou na metade do livro que comecei a me interessar de verdade. 
     É um livro que não é tão grande e a leitura flui rapidamente. Ao descobrir que Cassidy esconde o segredo, e de todo o amorzinho entre os dois você não consegue tirar os olhos do livro. Tem momento de rir, de tristeza, de raiva um livro que traz todas as emoções. 
Acho que a parte que mais me surpreendi foi o final. Eu realmente não estava esperando por aquilo e admito que no final a Cassidy me deu muita raiva. Mesmo com algumas partes não muito boas, eu recomendo bastante o livro. 

     Se você já leu o livro, comente aqui embaixo o que achou do mesmo! Adoro ler os comentários sobre a opinião de vocês. :)