/*-- Continue lendo --*/ .jump-link {margin: 10px; padding: 2px; font-size:20px;line-height:22px;font-weight: 300; font-family: sans-serif;Open Sans Condensed', sans-serif; width: 120px;} .jump-link a{ color: #76537b} .jump-link a:hover{ color: #8e8e8e}

27/07/2016

RESENHA: TUDO E TODAS AS COISAS - NICOLA YOON

Título original: Everything, Everything. 
Editora: Novo Conceito 
Páginas: 300
Autora: Nicola Yoon
Onde comprar: Submarino; Amazon


                                    AI-MEU - DEUS, QUE LIVRO FOI ESSE? 


Hoje vim contar sobre um livro maravilhoso. Não tenho palavras de como descrever como foi esse livro, me surpreendeu a cada capítulo e a cada capítulo eu queria mais. 

     O livro vai contar a história de uma garota de 18 anos chamada Madeline Whittier, também conhecida como Maddie ou Mads. Maddie possui uma doença. Sim uma doença. Mas não como câncer ou qualquer coisa do tipo. Maddie possui  IDCG. Mas o que seria IDCG? Ela é alérgica a tudo. Nunca saiu de casa na vida por causa de sua doença. Nunca experimentou as coisas normais como ir a praia ou passear na rua. Ela apenas fica em sua 'bolha' com sua mãe e Carla. Ela não vai a escola, tendo assim zero amigos, assistindo aulas virtuais via Skype  ou em pouquíssimas vezes o tutor vai á casa dela. Sua rotina consiste apenas em jogos com a mãe, ler, dormir e comer, mais nada.


      A família de Madeline é pequena. Em casa mora apenas a mãe e ela. O pai morreu quando pequena junto com seu irmão em um acidente de carro e a mãe nunca se recuperou de sua morte. A mãe é médica e fica bem neurótica com a doença de Maddie ao longo do livro. 
     Não podemos esquecer de Carla. Carla é a enfermeira de Madeline e também a sua única amiga ou pelo menos a única pessoa que ela têm contato além de sua mãe. 
     Como em todos os livros precisa ter uma reviravolta. Tudo começa acontecer quando os novos vizinhos se mudam para casa ao lado. Uma família que parece normal, com a mãe, o pai, uma filha chamada Kara e um garoto, Olly. É o garoto que chama a atenção de Madeline. Ela começa a sentir coisas por ele que nunca havia sentido por ninguém apenas olhando pela janela. 
     Com o tempo eles começam a trocar mensagens um com o outro e começam a descobrir o sentido do amor juntos. Até que um dia Carla deixa com que se encontrem na casa de Maddie, escondido da mãe dela, sem se tocarem, um de um lado do quarto e o outro do outro para prevenir a doença dela. Aí que as mentiras começam. Madeline não conta a sua mãe sobre o garoto, sobre as visitas dele, sobre o beijo que teve com ele, não conta a ninguém. Começa a mentir a todos, menos para Olly.
     O amor deles é tão intenso que faz com que Madeline faça coisas que nunca  imaginaria fazer, como sair de casa e ir para o Havaí. Sim, Havaí. Mas aí tá para você, leitor, descobrir o que acontece. 




     O livro é maravilhoso. É escrito sobre perspectiva de Madeline, cheio de anotações pelas páginas, como se fosse anotações dela. A escrita e a leitura são fáceis e muito rápida, considerado que a maioria dos capítulos é menos de uma página. Um livro repleto de romance, amor verdadeiro e todo aquele estilo 'A culpa é das estrelas.' Recomendo a todos os apaixonados que leiam e os não apaixonados também, com um lenço do lado pois vocês irão chorar litros.

     O filme do livro será lançado, ainda sem data definida. Ainda estão escolhendo o elenco  para começar a gravar, mas entre os atores escolhidos estão, segundo o Hollywood Reporter, Amandla Stenberg ( Jogos Vorazes) irá fazer a Madeline e Nick Robinson irá protagonizar o Olly.  Segundo algumas fontes, Amandla já fechou o contrato e Nick ainda está negociando. Admito que não era quem eu estava pensando para fazer os protagonistas mas mesmo assim estou bem animada para o filme. 



      
     Se você já leu o livro comente aqui embaixo do que achou do mesmo! Adoro ler o comentários sobre a opinião de vocês. :)